Menina de 7 anos corta o cabelo após sofrer racismo por funcionária de condomínio

Uma criança de 7 anos foi alvo de um episódio de discriminação, no qual uma trabalhadora de um conjunto residencial em São José do Rio Preto a ofendeu com um termo racista. Isso ocorreu no início deste mês, mas somente na última quinta-feira (17) é que o incidente foi reportado às autoridades policiais, segundo relatos do portal G1. Além disso, após o ocorrido, a criança decidiu cortar o seu próprio cabelo.

Segundo o registro oficial, a menina estava caminhando pelo complexo habitacional acompanhada de seu cãozinho, quando uma empregada se aproximou. Nesse momento, a funcionária dirigiu-se à criança, comentando que ela deveria amarrar o cabelo, pois sua aparência lembrava a de um macaco.



Recomendamos